Featured
Open Panel
ALE-RR

Polícia Militar reforça policiamento na fronteira

Por conta das manifestações que ocorreram no último dia de abril na Venezuela, a Policia Militar de Roraima,  está com duas equipes na fronteira com o país vizinho,  fazendo patrulhando no entorno do município de Pacaraima.

O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Elias Santana, ressaltou a intensificação do êxodo, difícil de ser contido.  Na tarde de terça-feira, 30, houve um fluxo incomum em Pacaraima. Aproximadamente, 850 venezuelanos ingressaram no Brasil e passaram pro triagem pela Polícia Federal.

“Estávamos apreensivos. Então, reforçamos o policiamento no perímetro urbano de Pacaraima, já que a questão fronteiriça não afeta a PM, mas nos precavemos para manter as pessoas informadas”.  Santana ressaltou que havia expectativa de que o movimento pudesse surgir com mais intensidade, nesta quarta, 1º de maio, historicamente, um dia de manifestações na Venezuela.

 “Fizemos contato com o pessoal em Pacaraima e pedimos informações sobre a região fronteiriça. O dia está tranquilo e não há praticamente movimento de pessoas ingressando no Brasil. Isso serve para tranquilizar principalmente no âmbito da fronteira urbana, onde tudo está dentro da normalidade”, explicou o comandante.

 “Estamos atentos, temos uma companhia em Pacaraima e, além das ações urbanas de policiamento ostensivo, também monitoramos os movimentos de acesso de pessoas pela fronteira, sobretudo, naquelas chamadas rotas não regulares”, reforçou Elias Santana.

O comandante destacou ainda que, mesmo com o feriado do Dia do Trabalho, a PM mantém reforço em Pacaraima, a fim de cumprir a contento o policiamento ostensivo, monitorando também a situação da entrada de pessoas no Brasil por rotas alternativas.

Postagens Anteriores